Natal mais feliz… como? – Parte I

E aqui estamos nós em dezembro! De facto, e sem que tenhamos dado especial atenção à passagem do tempo, o certo é que o Natal está já aí!

Já se vêem as luzes e as decorações de natal nas ruas; as montras das lojas iluminam-se com as mais belas árvores de natal e suas luzes que cintilam por entre a neve branca; as pessoas atropelam-se num ritmo frenético de compras para os seus amigos e familiares… sim, já cheira a Natal!

Todavia, para mim, bem como para a maior parte das mulheres, a quadra natalícia não é necessariamente sinónimo de brilho e encanto. Pessoalmente, confesso que tenho tendência a concentrar todas as tarefas nas minhas mãos, procurando esticar o meu tempo até ao limite até que finalmente chego à véspera de natal exausta, desejando secretamente que a escola recomece o mais rapidamente possível.

Contudo, deixem que vos diga algo que fui aprendendo a duras penas… não precisamos de estar sempre “em cima do acontecimento”! Em vez disso, experimentem delegar tarefas, envolver outros na decoração, na compra de presentes, nos ensaios das janeiras e, porque não, na preparação do jantar ou da ceia de natal! Eu sei… parece utópico, mas é possível e garanto que, na maior parte das vezes, ficarão surpreendidos (positivamente é claro!) com o que os outros fazem quando lhes damos espaço para isso!

Assim, e em vez de esperar que os outros falhem para entrarem em ação, obriguem-se a parar, a suspender tudo o que têm de fazer e “mimem-se”, fazendo uma sesta, recebendo uma massagem ou lendo aquele livro que nos olha ansiosamente da mesinha de cabeceira todas as noites… Prometo que irão olhar para o resto do vosso dia com um sorriso nos lábios, sentindo-se verdadeiramente abençoadas por todos e tudo o que vos rodeia!

De qualquer modo, para aquelas de nós que teimamos ainda em querer ser as super mães, esposas, irmãs, filhas, tias, etc., procurando fazer tudo para que todos se sintam verdadeiramente tocados pelos espírito do natal, aqui fica algo que descobri recentemente e que irá com certeza ajudar-vos (tal como aconteceu comigo!) a sentirem-se elegantes, bonitas e sofisticadas, sem contudo exigir muito tempo ou dinheiro da nossa parte!

O meu segredo? MG Peças únicas… pesquisem, pois vão adorar!!

Deixar uma resposta